Guildas em World of Warcraft

Postado em

As guildas sempre foram uma realidade no World of Warcraft. No entanto, com o passar das expansões, estas organizações foram perdendo a sua força dentro do game. O que você acha disso?

Depois de semanas falando de tretas e de dois artigos especiais lançados no site (Casais de Azeroth e o Resumo Traduzido de Before the Storm) hoje vamos falar de algo mais bacana, das guildas em World of Warcraft. Claro que vou falar do que eu, Kfour, sinto – afinal, isto é uma crônica opinativa – mas quero deixar o texto desta semana num registro mais suave. Ao principio ele pode parecer longo, mas vai ter várias imagens e instruções bem didáticas!

Guildas (clãs, squads, etc) são das coisas mais legais de um MMO, principalmente se for um MMORPG. A necessidade de você trabalhar em equipe transforma toda a sua experiência online. Além do mais, é a oportunidade de você ter contato com pessoas com gostos e preferências similares às suas, o que permite uma interação bem bacana enquanto você joga. Uma das coisas que mais me chamou a atenção quando comecei a jogar World of Warcraft foi a questão social.

Infelizmente, e eu falo da minha experiência pessoal agora, sinto que essa necessidade de guilda tem diminuído com o tempo (para aqueles que são mais casuais, como eu sou hoje em dia).
Quando eu comecei a jogar, lá pela época de Wrath of the Lich King, estar dentro de uma guilda era algo quase que imperativo para você poder fazer um conteúdo mais avançado, como Raidar ou tentar fazer alguma conquista específica. Hoje em dia, com as inúmeras ferramentas que o jogo nos fornece, essa necessidade de guilda está bem mais suavizada em relação à época do WOTLK, por exemplo.
Claro, para aqueles que procuram fazer algo mais específico, como Rated BGs ou Raids Míticas, uma guilda é sempre uma boa forma de organizar esse tipo de atividades.

Mas o que poderá ter acontecido para as guildas perderem essa “força”? Vamos lá ver se eu consigo responder!

 

O começo do Looking for Dungeon / Dungeon Finder

No WOTLK algumas novas ferramentas foram adicionadas, como o sistema de LFD/DF (Dungeon Finder, ou Localizador de Masmorras). Anteriormente, no The Burning Crusade, existia o Looking for Group, que era uma ferramenta que auxiliava os players a encontrar pessoas com os mesmos objetivos, mas sem o “travel” instantâneo. Basicamente, essa ferramenta apenas juntava pessoas interessadas em fazer o mesmo tipo de conteúdo numa party – o resto era feito “manualmente”.

wow warcraft guild guilda guildas battle for azeroth cataclysm warlords of draenor legion vanilla classic classico perks dungeon finder raid finder looking for group localizador de masmorras raid grupo
Looking for Group, menu da época do TBC

Com o 3.3.0, anunciado na BlizzCon 2009, o sistema de Looking for Group foi renomeado para Dungeon Finder (Localizador de Masmorras) e este permitiu que grupos de 5 jogadores fossem formados e transportados para dentro de uma masmorra (random ou específica). Além disso, o sistema de cross-realm foi implementado nesta ferramenta, facilitando assim a entrada dos players para uma masmorra.

Antes desse sistema, uma guilda era o local ideal para você procurar por essa ajuda. Você escrevia no chat da guilda que estava querendo farmar a tal masmorra e pessoas com as mesmas intenções que você (ou simplesmente para te ajudar) falavam que estavam disponíveis. Você fazia o grupo com elas, ia até ao local da instância e pronto. Durante este “ritual” você tinha que estar em contato com pessoas: desde procurar pessoas até conversar durante a viagem até ao local da instância (para tornar essa viagem menos entediante). E isso só fazia você aumentar o vínculo que tinha com as pessoas da sua guilda.

Para quem não tinha guilda, não era impossível fazer instâncias, mas era bem mais complicado. Você tinha canais de chat (o famoso LFG) utilizados especificamente para localizar uma galera e/ou pedir ajuda. Mas nem sempre você era atendido.

 

A evolução do Dungeon Finder

Com o patch 4.3.0, do Cataclysm, uma nova ferramenta foi adicionada para uma Raid específica. O Looking for Raid (ou LFR para os amigos), era uma ferramenta dissidente do Dungeon Finder e foi adicionada no WOW para auxiliar jogadores a formarem grupos para completar a Raid Dragon Soul (Alma Dracônica).

wow warcraft guild guilda battle for azeroth cataclysm warlords of draenor legion vanilla classic classico perks dungeon finder raid finder looking for group localizador de masmorras raid grupo
Looking for Raid, ou Localizador de Raid, na época do Cataclysm

Se sem guilda, juntar 5 pessoas para uma masmorra já era complicado, o que diria de 10, 25 ou 40 pessoas (na época do Vanilla)? Antigamente, quem não tinha uma guilda, dificilmente conseguia completar uma Raid. Além de toda a mão-de-obra necessária, as pessoas tinham que ter uma certa comunicação e conhecimento das coisas (antes não tínhamos tantos guias de Raids como temos hoje em dia e não existiam dificuldades como Flex ou LFR) e os membros de uma guilda preferiam ter “guildies” do que fazer um “pug” por aí em busca de uma pessoa.

Pelo patch 5.0.4, em Mists of Pandaria, o sistema Dungeon Finder se mesclou com o Looking for Raid, dando origem ao painel do Dungeon Finder “unificado”.

 

Group Finder

Por fim temos a versão atual, que se chama Group Finder (Localizador de Grupos). Esse sistema foi incorporado no 6.0.2, no release do Warlords of Draenor. Com ele, você poderia encontrar grupos tanto para masmorras, como para Raids e até mesmo PVP e Cenários – diminuindo, em partes, ainda mais a necessidade de uma guilda. Fora isso existiam os grupos para leveling, Conquistas e questing – tudo no mesmo lugar.

wow warcraft guild guilda battle for azeroth cataclysm warlords of draenor legion vanilla classic classico perks dungeon finder raid finder looking for group localizador de masmorras raid grupo
Group Finder ou Localizador de Grupos, em Warlords of Draenor

 

Sistema de Ranking de Guilda

Com o Cataclysm veio também o sistema de Níveis de Guilda. A ideia aparentava ser ótima no começo. Esse sistema obrigava o pessoal da guilda a trabalhar em conjunto para que ela subisse de nível. A cada nível, uma recompensa era dada aos membros ou à própria guilda. Por exemplo:

  • Nível 2: Os membros da guilda ganhavam um bônus de 5% ao completar quests ou matar monstros;
  • Nível 11: Você ganhava a habilidade de sumonar um Banco de Guilda no seu local para você e seus guildies poderem acessar ao banco da guilda sem ter que ir para uma cidade;
  • Nível 25 (máximo): Você ganhava a habilidade de Mass Resurrection (Ressurreição em Massa) que revivia todos os membros de uma Raid.

Infelizmente, com o passar do tempo, os players escolhiam guildas pelo seu nível, para poder usufruir das regalias ganhas com os níveis. Assim sendo, guildas mais modestas ou iniciantes não eram tão atrativas para esses jogadores, fazendo com que existisse uma grande diferença entre os números de jogadores em guildas nível 25 e em guildas nível 2.

wow warcraft guild guilda battle for azeroth cataclysm warlords of draenor legion vanilla classic classico perks dungeon finder raid finder looking for group localizador de masmorras raid grupo perks
Sistema de Guilda na época do Cataclysm

 

Single Player?

Infelizmente, nos dias de hoje, muitas das coisas podem ser conseguidas sem se estar numa guilda. Não por serem mais fáceis, mas porque os caminhos foram encurtados. Ao toque de 2 botões você está na fila para a última Raid que saiu no patch atual, por exemplo. Tudo isto sem precisar trocar uma palavra com os colegas, sublinhe-se. E isso tornou um suposto MMORPG em algo “single player”. Claro, você faz o conteúdo com outras pessoas, mas é difícil, hoje em dia, em um pug as pessoas conversarem.

Quantas vezes você usou essa ferramenta para fazer uma masmorra e conversou com a galera que estava lá?

Hoje em dia você está dentro da sua Guarnição (dos piores erros do WOW – já vou explicar o porquê), dá dois cliques no Group Finder e está dentro da masmorra – se bobear faz a masmorra inteira sem falar um “oi”.

 

Mas o que poderia ser feito para alterar isso?

É uma boa pergunta, mas não tão fácil de responder.

Cada coisa tem o seu tempo e talvez existe essa necessidade do imediatismo hoje em dia. Talvez seja por isso que essas ferramentas estejam ganhando cada vez mais força. Inclusive eu fiz esse paralelo com a vinda do Clássico de forma oficial (clique aqui para ler mais).

No entanto, pequenas adições poderiam ser pensadas para estimular aqueles que, assim como eu, sentem falta da parte social do WOW.

Não sou a favor de retirar funcionalidades como o Looking for Raid, pois tem gente que realmente tem pouco tempo para jogar e essas ferramentas auxiliam bastante nessa questão. Além do mais eu acho chato privar um grupo de pessoas em prol de outras – existem formas de incorporar funcionalidades e modos de jogo sem atrapalhar o modo de jogo do coleguinha.

Em suma, acredito que com pequenos detalhes, a Blizzard poderia fazer toda a diferença para aqueles que sentem falta do “RP” dentro do MMORPG e, de quebra, ajudar quem é focado mais em alguma modalidade do WOW (como o PvE ou PvP).

 

HUBs

No WOD nós tivemos a primeira experiência de uma HUB in-game, com a Guarnição. Muitos poderão me xingar e me chamar de hater agora, mas eu achei uma péssima ideia. A Guarnição nada mais era que um espaço que o próprio jogador poderia evoluir, aprimorar e construir de acordo com a sua necessidade. E a ideia de ter um espaço “só seu” é legal, não me interpretem errado. O problema é que isso fez com que os jogadores se isolassem demais. Cidades e capitais estavam vazias, pois o jogador poderia fazer (quase) tudo a partir da sua Guarnição.

wow warcraft guild guilda guildas battle for azeroth cataclysm warlords of draenor legion vanilla classic classico perks dungeon finder raid finder looking for group localizador de masmorras raid grupo
Visão Geral do novo sistema de Guildas

Banco? Tem lá. Minério e planta? Tem lá. Trainer de profissão? Tem lá. Vendedores? Tem lá. Até Casa de Leilão você poderia ter. Então, qual a necessidade de ir para uma cidade, com um monte de gente, com mais probabilidade do PC travar por ter que renderizar um monte de coisa?

Já em Legion vimos o “upgrade” dessa versão, que era uma HUB comunitária para as classes, apelidadas de Order Hall (Salões de Classe). Nesses Salões de Classe, jogadores da mesma classe, independente da facção, tinham acesso ao local e lá poderiam enviar seus seguidores para realizar algumas missões ou aprimorar as suas Armas Artefato (de forma individual, claro).

E agora fica o questionamento:

 

Por que não uma HUB de guilda?

Esta é a minha vontade desde sempre (pelo mesmo desde Cataclysm). Mas como funcionaria esse sistema de HUB de Guilda?
Bem, eu acredito que poderia funcionar como uma mescla entre a Guarnição e os Salões de Classe. Vou me inspirar no colega Freiyr (se você não conhece, dá uma checada nos concepts dele) e fazer um passo a passo de como seria essa questão de HUBs de Guilda.

wow warcraft guild guilda guildas battle for azeroth cataclysm warlords of draenor legion vanilla classic classico perks dungeon finder raid finder looking for group localizador de masmorras raid grupo perks
O menu da Guarnição (Garrison), poderia ser usado como base para o menu de upgrade da HUB de Guilda

Primeiro passo: Local

O Guild Master (Mestre de Guilda), ao criar uma guilda, iria escolher um local para a HUB da sua guilda.
Aqui seria puramente estética, pois “só” serviria para paisagem e ambientação do local. Entre as opções poderíamos ter uma planície vasta, com um riacho ou lago; uma montanha com neve e grutas; um espaço rochoso e subterrâneo; entre outras opções.

wow warcraft guild guilda battle for azeroth cataclysm warlords of draenor legion vanilla classic classico perks dungeon finder raid finder looking for group localizador de masmorras raid grupo perks
Exemplo de cenário/paisagem para uma HUB de Guilda

 

Segundo passo: Temática

Depois de escolher a “paisagem”, o Mestre da Guilda tem que escolher a temática da guilda, e isto é super importante, pois as “construções”, melhorias e recompensas vão estar diretamente relacionadas com a temática. Dentro da temática teríamos três opções:

  • Guilda PvE;
  • Guilda PvP;
  • Guilda RP.

Mas qual a diferença? Vou explicar:

Guilda PvE

A Guilda PvE teria alguns detalhes referentes à essa modalidade do jogo em sua base.

Dentro da base (e após algumas evoluções, como eu vou mostrar mais adiante) os membros de guildas PvE teriam vendedores de reagentes e de profissões, como Alquimistas e Escribas. Esses vendedores iriam ter ingredientes e receitas específicas para fazer Poções e Pergaminhos voltados para encontros PvE (como as Vantus Runes, ou Runa Vantus em português). Além do mais, essas receitas vendidas pelos vendedores de Guilda PvE seriam mais eficazes para conteúdos PvE, ou seja: enquanto uma Runa Vantus normal te dá mais 200 de um atributo, a Runa Vantus da base da guilda daria um buff de 220 (exemplo).

Mas para desbloquear esses vendedores, os membros da guilda teriam que juntar esses recursos de guilda para poder contratar eles (vou explicar mais adiante esta questão). Após desbloquearem essa função, comprariam a receita ou item por gold.

Dentro da base também existiriam os dummies especiais para os membros da guilda poderem testar suas habilidades e rotação. Esses dummies não seriam os tradicionais dummies “estáticos”, mas sim uma versão com algum tipo de mecânica, para que o jogador pudesse simular algum evento ou mecânica específica.
Existiriam também alguns eventos periódicos, como uma dungeon aleatória por dia para se fazer em grupo de guilda (com recompensas) e um evento grande semanal, como se fosse por exemplo as Grandes Invasões de Argus.

Apenas lembrando que e estas funcionalidades só estariam disponíveis após uma “exploração” e “pesquisa”.

Fora isso, dentro dessa base iria ter também o baú de Míticas + / Raids da Guilda, que traria recursos para comprar itens, receitas ou evoluir alguma coisa dentro da base (só possível se todos os que completaram a Masmorra ou Raid forem da mesma Guilda, claro). Quanto mais conteúdo uma guilda fizesse em conjunto, mais recursos ela ganharia. Além disso, Raids e Masmorras feitas com 100% de membros de uma guilda dariam uma chance de loot a mais para esses membros em cada boss (ou no final de uma Mítica).

Resumindo:

  • Itens consumíveis específicos para eventos PvE (M+ e Raids);
  • Construções específicas para a temática (portais para eventos PvE especiais, training dummies, etc);
  • Baú de Míticas + / Raids, que daria recursos para fazer upgrades na base;
  • Chance de drop mais alta ou loot extra caso o grupo de Raid / Masmorra seja 100% da mesma Guilda.
wow warcraft guild guilda guildas battle for azeroth cataclysm warlords of draenor legion vanilla classic classico perks dungeon finder raid finder looking for group localizador de masmorras raid grupo
Como seriam as guildas PvE

Guilda PvP

Já as guildas PvP teriam um quartel-general voltado para essa temática do jogo.

Dentro desse quartel-general iriam existir alguns rings de luta, para os membros poderem praticar suas skills de PvP uns contra os outros (essa seria a base da HUB).
Além disso, vendedores iriam comercializar itens que beneficiariam os players de guildas PvP em Campos de Batalha (tipo as Vantus Runes, mas para PvP). O sistema seria semelhante ao que eu já citei no caso das guildas PvE.

Fora isso, guildas PvP poderiam ter um modo de jogo “exclusivo”, que seria como um Warfront, mas PvP. Uma batalha 10 vs 10 ou 20 vs 20 entre duas guildas PvP. Poderiam existir vários tipos de Warfronts PvP, baseados em Campos de Batalha, como por exemplo: um capture-the-flag similar à Ravina Brado Guerreiro; uma disputa por recursos como Bacia Arathi; ou até mesmo um “inédito” deathmatch, que o que importa é matar. Claro que tudo isto aliado à mecânica de Warfront, que você tem que coletar recursos e fazer upgrades na sua base (clica na imagem para você ver um exemplo de Warfront PvP)!

wow warcraft guild guilda guildas battle for azeroth cataclysm warlords of draenor legion vanilla classic classico perks dungeon finder raid finder looking for group localizador de masmorras raid grupo
Clica na imagem para saber mais sobre este concept

A fila para esses eventos seria feita dentro do quartel-general e só poderá ser feita se todos os membros da party forem da mesma guilda.
Jogadores da mesma guilda que fizeram Arenas e Campos de batalha em conjunto iriam contribuir para o Baú Semanal da Guilda (à semelhança do que vimos nas Guildas PvE). A recompensa seria recursos para fazer upgrades e a cada encontro cada jogador iria receber uma caixinha que poderia conter um item PvP ou Emblemas (igual uma RBG, por exemplo).
Por fim, o retorno do Santuário, que era aquela construção de PvP da Guarnição, para os amantes de PvP poderem pegar uns títulos legais.

Resumindo:

  • Itens consumíveis específicos para eventos PvP (Arenas e BG);
  • Construções específicas para a temática (“Warfront PvP”, por exemplo);
  • Baú de BG / Warfront, que daria recursos para fazer upgrades na base;
  • Chance de drop mais alta caso o grupo de Arena / BG seja 100% da mesma Guilda.
wow warcraft guild guilda battle for azeroth cataclysm warlords of draenor legion vanilla classic classico perks dungeon finder raid finder looking for group localizador de masmorras raid grupo
Como seriam as Guildas PvP

 

Guilda RP

Por fim, mas não menos importante, a Guilda RP. Eu não estou muito por dentro do RP, mas tem algumas ideias que eu discuti com amigos que praticam esta modalidade e que acho que encaixariam bem nesta temática.

Em primeiro lugar a ambientação seria mais como uma pensão e bar, para auxiliar nas confraternizações dos membros. Várias camas, um botequinho com várias mesinhas para se sentar, um jardim e algumas construções que ficariam a critério do líder da Guilda.

Alguns vendedores de crafting professions, como Alfaiataria, Couraria e Ferraria, com receitas para transmogs exclusivos para quem é de uma guilda RP (falarei das limitações mais adiante).

A possibilidade de membros da guilda poderem customizar várias peças com as cores/escudo da Guilda seria possível também. Além do mais, esta HUB seria a única que daria para invitar membros de outra guilda RP para visitação.

Resumindo

  • Receitas e vendedores de transmog exclusivas para membros da guildas RP;
  • Construções específicas para a temática (botequinho, dormitórios, doca de pesca, jardins, etc);
  • Única HUB que teria “portas abertas” para membros de outras guildas RP (autorização através do menu “Guilda” e limitado a 2 guildas “parceiras” para não crashar).
wow warcraft guild guilda guildas battle for azeroth cataclysm warlords of draenor legion vanilla classic classico perks dungeon finder raid finder looking for group localizador de masmorras raid grupo
Como seriam as guildas RP

 

Terceiro passo: Recursos

Os recursos, como eu já disse, seriam ganhos quando os membros realizarem atividades em um grupo 100% composto por membros da guilda. Raids e Masmorras para as guildas PvE; Arenas, Campos de Batalha e Warfronts PvP para guildas PvP. A parte da guilda RP seria mais complicada neste aspeto, mas talvez poderia ser feito através de um algoritmo que medisse o tempo que estas pessoas passam em grupo e no mesmo local que pessoas da mesma guilda (pode ser dentro da HUB ou em Tavernas ou áreas exteriores – desde que seja em grupo e com o mínimo de x pessoas da mesma guilda ao mesmo tempo lá). Confesso que aqui se tonar mais difícil, mas se a Blizzard quiser ela consegue.

Esses recursos iriam direto para o banco da guilda e iriam servir para construir novas coisas, dar upgrade em algo ou “contratar” um NPC específico para ficar na sua HUB (por exemplo, um vendedor).

wow warcraft guild guilda battle for azeroth cataclysm warlords of draenor legion vanilla classic classico perks dungeon finder raid finder looking for group localizador de masmorras raid grupo
Exemplo de Upgrade de Guilda (geral)

 

Limitações

Claro que tudo teria limitações, para não haver chance desta mecânica ser exploitada.

  1. Todos os itens e receitas seriam Vinculados Quando Apanhado. Para não dar margem para comercialização ou troca (o que poderia colocar todo este sistema em cheque), todos os itens que um jogador pegar quando fizer conteúdo alusivo à guilda, será Vinculado Quando Apanhado. Ou seja, aquela Vantus Rune com 20 pontos de atributo a mais só pode ser usada por você e por mais ninguém (talvez possa ser trocada entre membros da mesma guilda, algo a se pensar);
  2. Lealdade. Como eu já falei neste artigo, muitas pessoas entravam em guildas de acordo com o número de níveis que ela tinha. Com este sistema de HUB de Guildas, muitos poderiam escolher guildas com HUBs com mais construções ou mais vendedores dentro. Para dar uma brecada nisso, alguns conteúdos dentro das HUBs estariam restritos a uma classificação de lealdade. Ou seja, ao fazer conteúdos com seus guildies e ao angariar recursos para a guilda, sua lealdade com a guilda aumentaria e isso iria desbloquear funcionalidades dentro da HUB. Assim todos teriam que interagir e a escolha por uma HUB mais avançada não teria benefícios imediatos (como era na época do Cataclysm);
  3. Permissões. Quem abre os baús semanais das HUBs? Apenas o Mestre da Guilda e os seus braços direitos (Officers) poderiam abrir o Baú Semanal da Guilda. Além do mais, apenas o Mestre da Guilda pode escolher o que construir ou o que ele quer melhorar dentro da HUB, de forma a evitar desvios de recursos e tudo mais. Claro que aqui vai do bom senso do Mestre da Guilda perguntar o que os membros da sua Guilda preferem.
wow warcraft guild guilda battle for azeroth cataclysm warlords of draenor legion vanilla classic classico perks dungeon finder raid finder looking for group localizador de masmorras raid grupo
Limitações de Guilda

 

E com isto me despeço meus lindos! Vocês gostariam de ver uma HUB para Guildas? O que acham da ideia? O que vocês curtiram mais e o que curtiram menos? O que vocês colocariam a mais? Deixa um comentário lá no Facebook do BarraDois para eu saber!

 


Links importantes e menções

  • Ícones retirados de WOWHead;
  • Arte da casa retirada daqui;
  • Arte da outra casa retirada daqui;


Subscribe
Notify of
guest
4 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
PalaNakir
21 de setembro de 2020 15:27

Falo diversas vezes na live como uma guarnição de guilda seria legal! To tentando fazer uma guilda bacana mas existe uma dificuldade imensa pq o jogo não incentiva em quase nada esse tipo de atividade.
Tem muitos jogos de celular por aí com sistemas de guilda bem interessantes que dava tranquilamente pra se basear, espero que em algum momento a blizzard volte a olhar pras guildas com carinho.
Post bem legal, se metade disso fosse implementado já valeria a pena!

Mr Carrer
21 de setembro de 2020 17:25

Concordo plenamente, penso nisso desde pandaria tbm kfour, com o tempo as guildas foram perdendo a importancia e atualmente só se entra em guilda para raidar mitico mesmo pq o resto tu faz pelo LFG

Baidas
Baidas
22 de setembro de 2020 08:08

Pq não ter edifícios voltados a preferências dentro de uma mesma área de guilda? Não vejo razões para ser exclusivamente PvP, PvE ou RP. E acho que dá pra conviver com a variedade, isso, inclusive, pode facilitar o farm de recursos, três tipos diferentes, moedas sangrentas de PvP, ouro suado de PvE e uma prata refinada do RP (que não sei bem como seria farmado. Pontos por completar lore?). Podendo, inclusive, o recurso ser imediatamente enviado para o upgrade do prédio temático e contribuindo para a “glória” total da Guilda.

Bruno
Bruno
22 de setembro de 2020 08:54

Muito bom, concordo com você em tudo, acho que as guildas estão largadas e deveria mesmo ter um conteúdo mais relevante.


2
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x