WOW Shadowlands – Lore

Postado em

O trailer de divulgação de Shadowlands nos abriu o caminho para um novo arco de Lore. Vamos explicar mais sobre toda a história que cercará a nova expansão de World of Warcraft.

 

A Lore de World of Warcraft sempre foi um dos grandes atrativos da franquia. Não é incomum ler relatos que várias pessoas se mantêm fiéis ao jogo por causa da história – e o inverso também acontece. Porém, o que irá acontecer em Shadowlands? Quais serão os personagens principais? Qual será o papel do nosso personagem, o herói de Azeroth, em toda a trama?

Importante: Esta página irá passar por constantes atualizações. Nós iremos atualizar esta página à medida que formos descobrindo mais sobre a Lore da futura expansão. Fique ligado nas nossas redes sociais para saber de novidades!


Redes Sociais

 

Menu de Navegação

 

Retorne à página inicial de Shadowlands.

Conheça mais sobre as Terras Sombrias e as regiões do local.

Saiba mais sobre o novo sistema de níveis.

Se prepare para as aventuras que se avizinham diretamente do Além.
Lore Lore
Fique por dentro da Lore que cerca a próxima expansão de World of Warcraft.

 

Lore

 

 CONTÉM SPOILERS! 

 

O que vimos no trailer?

No trailer de revelação (assista mais abaixo) nós podemos ver duas personagens centrais: a antiga Chefe Guerreira da Horda, Sylvana Correventos e o então atual Lich Rei, Bolvar Fordragon. O trailer se passa no Trono de Gelo, local de repouso do Lich Rei, na Cidadela Coroa de Gelo, em Nortúndria. Um importante detalhe visto no trailer é que os agentes do Flagelo, que teriam a missão de guardar o local, não se opõem a Sylvana, deixando-a passar de forma incólume.

wow world of warcraft shadowlands terras sombrias terra sombria expansão nova 2020 new expansion guides guia história lore story history sylvanas sylvana correventos windrunner arthas lk lich king rei bolvar fordragon menethil icecrown citadel coroa de gelo ice crown flagelo scourge morte death val'kyr jailor jailer carcereiro
Sylvana Correventos destruindo o Elmo da Dominação após derrotar Bolvar

 

O topo da Cidadela dá lugar ao embate entre os dois personagens. Sylvana consegue (de forma surpreendentemente fácil) prender o então Lich Rei no chão com o auxilio das suas flechas e de correntes mágicas. Após a utilização de mais uma magia das Sombras, Sylvana consegue enfraquecer o Lich Rei e retirar o Elmo da Dominação. Esse mesmo Elmo viria a ser destruído momentos depois, dando origem a uma fissura de tempo e espaço entre o mundo mortal e as Terras Sombrias (Shadowlands), que é o local de repouso das almas.

 

A missão dos Heróis de Azeroth

Pelo que já vimos, existe um grande desiquilíbrio nas Terras Sombrias. Segundo relatos, a ordem “natural” das almas dentro das Terras Sombrias foi alterada com os últimos acontecimentos em Azeroth. Com tantas baixas durante os acontecimentos de Legion e Battle for Azeroth (em especial a Quarta Guerra) muitas das almas enviadas para Shadowlands não foram guiadas de volta pelos Anjos da Cura, responsáveis por “trazer de volta” as almas para os corpos, no Plano Mortal. As próprias regiões das Terras Sombrias são divididas de acordo com o seu papel dentro desse ciclo de morte e vida. Com a grande afluência de almas nas Terras Sombrias, o funcionamento dessas regiões foi prejudicado (saiba mais sobre as regiões de Shadowlands clicando aqui)

Contudo, pelo que já foi desvendado, o objetivo será, de certa forma, restaurar esse equilíbrio e deixar as coisas como elas eram antigamente. Quem nos irá guiar nessa nova região será o próprio Bolvar Fordragon, que se manteve vivo até hoje graças as chamas dracônicas, lançadas por Alexstrasza, durante a Batalha no Portão da Ira.

 

O grande inimigo de Shadowlands

O grande nemesis da expansão não será Sylvana, mas sim um personagem chamado “The Jailer” (O Carcereiro, em português). Ele é a figura encarregada de manter as almas dos mortos no local que elas merecem estar. Durante algum tempo nós fomos influenciados a pensar que o Carcereiro seria o próprio Lich Rei, principalmente por causa dos diálogos de Terenas e Tirion, na cinemática pós-vitória contra o Lich Rei, em Wrath of the Lich King. Além disso, em Battle for Azeroth, tivemos acesso à missão Carcereiro dos Malditos.

wow world of warcraft shadowlands terras sombrias terra sombria expansão nova 2020 new expansion guides guia história lore story history sylvanas sylvana correventos windrunner arthas lk lich king rei bolvar fordragon menethil icecrown citadel coroa de gelo ice crown flagelo scourge morte death val'kyr jailor jailer carcereiro
Fissura criada após a destruição do Elmo da Dominação, que conecta o Plano Mortal às Terras Sombrias

 

Na missão supracitada, nós descobrimos também que a Cidadela Coroa de Gelo é uma espécia de âncora, “que amarra” Azeroth ao outro Mundo (as Terras Fantasma, no caso). Como pudemos ver no trailer de anúncio de Shadowlands, o tal portal que conecta os planos mortais e dos mortos será na Coroa do Gelo e será exatamente nesse local que a nossa jornada para além do Véu irá começar.

 

O Carcereiro

Quem é o Carcereiro?

Essa foi uma das perguntas feitas no Q&A do WOW durante a BlizzCon. Mas o que será que foi respondido?

“A intenção é que o Carcereiro seja uma figura misteriosa – não alguém que já tenhamos encontrado anteriormente, mas alguém que tem uma grande importância na Cosmologia do Universo de Warcraft.”

O que sabemos é que o Carcereiro habita Thanator, a Torre dos Malditos, que fica numa região chamada A Gorja (The Maw). Esse local, até então, era o local para onde as almas más e sem salvação iriam. E o nome “Carcereiro” não é à toa: nunca ninguém havia conseguido escapar d’A Gorja… até agora. Como já vimos anteriormente nesta página, com a crescente afluência de almas para o reino dos mortos, toda a organização e fluxo natural das Terras Sombrias foi alterada.

Além do mais, o nosso personagem terá a capacidade de transitar livremente entre o Plano Mortal e as Terras Sombrias. Como o herói de Azeroth (ou seja, o nosso personagem) tem uma conexão extremamente forte com o planeta, nós iremos ser capazes de entrar e sair d’A Gorja sempre que quisermos, quebrando assim o ciclo de “prisão” do local.

 

Os novos poderes de Sylvana

Como vimos na cinemática “Ajuste de Contas” e nas missões que cercam essa cinemática, os poderes que Sylvana atualmente controla são enigmáticos até mesmo para especialistas em magia, como Jaina e Thalyssra. Mas então, como Sylvana conseguiu ter acesso a esse tipo de poder?

Para entender um pouco mais sobre essa história, temos que retroceder alguns anos. Mais precisamente, no momento em que Arthas é derrotado e Bolvar o substitui como Lich Rei. Ao saber da derrota de Arthas, Sylvana se jogou do topo do Trono de Gelo. Ela acabaria por chegar a um local similar ao purgatório católico: um local de dor, sofrimento, castigo e angústia constante. Nesse local Sylvana fez um pacto com as Val’kyr que por lá estavam. Esses seres, criados por Odyn, tinham a missão de guiar as almas das Terras Sombrias até aos Salões da Bravura. A proposta das Val’kyr foi conectar a sua existência à alma de Sylvana. Após aceitar esse pacto, ela conseguiu escapar daquele local e pode voltar a “caminhar com os vivos”.

Você pode se aprofundar mais sobre esta história ao ler o conto Fim da Noite (clique aqui).

 

Sylvana e O Carcereiro

No trailer de Visão Geral de Shadowlands (clique aqui para assistir), é possível ver Sylvana entre várias Val’kyrs nas Terras Sombrias (e atrás destas figuras, O Carcereiro).

wow world of warcraft shadowlands terras sombrias terra sombria expansão nova 2020 new expansion guides guia história lore story history sylvanas sylvana correventos windrunner arthas lk lich king rei bolvar fordragon menethil icecrown citadel coroa de gelo ice crown flagelo scourge morte death val'kyr jailor jailer carcereiro
Sylvana, Val’kyr e O Carcereiro

Não se sabe muito sobre o relacionamento entre Sylvana e o Carcereiro. Porém, a ligação entre eles parece ser forte. Uma outra questão levantada durante o Q&A de WOW na Blizzcon foi voltada a essa temática.

Pergunta: O Carcereiro da Gorja via a Legião como uma ameaça e foi por isso que Sylvana trabalhou ao lado de Varian?

Resposta: Nós vamos saber mais sobre as suas motivações (de Sylvana) e a sua relação com o Carcereiro durante Shadowlands. O conto Fim da Noite fala um pouco sobre esta relação. Trabalhar com Varian foi uma estratégia a longo prazo com o objetivo de se tornar Chefe Guerreira – ela precisava fazer aliados mas agora estamos vendo as consequências disso.

Por isso, nós vamos ter que aguardar o desenrolar da trama de Shadowlands para podermos, finalmente, saber quem é esta figura enigmática.

 

O que se tem dito

Logo após o anúncio de Shadowlands, muitas discussões eclodiram em fóruns, redes sociais e sites. Nós pegamos algumas dessas discussões e trouxemos a pauta aqui para o site.

 

A identidade d’ O Carcereiro

Por ser uma figura totalmente enigmática, a real identidade do Carcereiro tem sido muito discutida. É possível encontrar na Internet diversas teorias sobre a real identidade desta figura. Vamos deixar aqui algumas dessas teorias.

  1. Ner’zhul:

    Ner’zhul foi um Orc Xamã do Clã Lua Negra, mestre de Gul’dan e líder da Horda. Além disso ele também foi o primeiro Lich Rei, escolhido a dedo pelo próprio Kil’jaeden. Teoricamente o espírito de Ner’zhul foi destroçado por Arthas, quando o jovem príncipe quis manipular todo o poder do Lich Rei. Esse episódio nos é apresentado no livro Arthas: Rise of the Lich King (você pode ler um pouco do livro, clicando aqui). Porém, com todo o novo arco de Lore sendo introduzido na temática do Lich Rei, pode ser que o espírito do Orc não tenha sido totalmente obliterado. Será que Ner’zhul ainda poderá fazer parte da história atual do WOW?

  2. Mueh’zala:

    Ueetay no Mueh’zala, ou simplesmente Mueh’zala, é o Loa da Morte adorado pela tribo tróllica Zangareia. Com todo o mistério envolvendo os Loa e Vol’jin, não seria estranho ver estas entidades marcando presença em Shadowlands. Principalmente se for um Loa da Morte – à semelhança do que representa Bwonsamdi para a tribo Zandalari. É dito que Mueh’zala não possuí uma forma corpórea “fixa”. Isto é, a sua forma está constantemente em mutação. Assim sendo, ninguém sabe descrever como Mueh’zala realmente é. Será que Mueh’zala foi o Loa que sussurrou nos ouvidos de Vol’jin, quando o troll estava à beira da morte, pedindo por Sylvana como Chefe Guerreira? E agora, Sylvana estaria cumprindo a sua parte do acordo, ajudando o Loa na sua missão? Só o tempo dirá.

  3. Um Lich:

    Liches são mortos-vivos que manejam magia necromante. O Lich Rei teve um grande número de Liches no seu exército durante o seu reinado. O mais famoso deles foi, obviamente, Kel’thuzad, que liderou por muito tempo os exércitos do Flagelo em Kalimdor, a partir da necrópole Naxxramas. Tendo isto em vista, pode ser que alguns Liches ainda se encontram nas Terras Sombrias e Sylvana pode muito bem ter feito aliança com alguma destas poderosas criaturas.

 

Trazer o Lich Rei à tona é uma boa ideia?

Esta é a discussão que mais divide opiniões atualmente. Muitos consideram que trazer o Lich Rei é bom, visto que ele é um dos personagens mais marcantes deste Universo. Outros já consideram que trazer de volta o personagem é um “sintoma de pânico” por parte dos devs de WOW, que vão se apoiar num personagem idolatrado para evitar rejeições e “salvar” o WOW das críticas.

Agora num registo mais pessoal: eu fiquei muito desiludido com essa “reciclagem” de personagens. Wrath of the Lich King e o próprio Lich Rei tinham tido arcos e Lores fantásticas. Na minha opinião, mexer em algo que estava tão bem, pode ser um tiro no próprio pé. Como amante de Lore, temo muito que a história do WOW fique mais prejudicada ainda com esta expansão. Mas o jeito é esperar para ver o que acontece. Como fã da franquia, espero que o time de devs faça um bom trabalho em conjunto com o time de Lore e que consigam ratificar a história que envolve todo o universo de World of Warcraft. Nos últimos tempos, infelizmente, os amantes de Lore não têm tido muitos motivos para sorrir.

 

Sylvana derrotou Bolvar muito facilmente.

Esta é outra afirmação muito presente nas redes sociais pós-Blizzcon. Será que Sylvana está forte demais? Será que Bolvar é fraco demais? As opiniões são bem divididas, mas uma coisa é certa: pelo trailer, Bolvar não teve qualquer chance contra a Rainha Banshee. Na minha opinião isso pode se dever a diversos factores. Passo a explicar:

  1. Sylvana está muito poderosa.

    Como já vimos no decorrer deste artigo, Sylvana está manipulando energias desconhecidas por muitos. Com isso, a imprevisibilidade e o fator surpresa dela são algo a se levar em consideração quando ela duela contra alguém. Varok apenas “arranhou” Sylvana no Mak’gora entre eles. Porém, o Orc estava velho e cansado. Ele mesmo sabia que não era páreo para a então Chefe Guerreira. Mesmo assim, Sylvana é uma força que tem que ser levada em consideração.

  2. Bolvar não “treinou”.

    É sabido que Arthas passou anos treinando para ser um nobre guerreiro e, posteriormente, para se tornar um paladino. Além disso, quando ele teve o seu primeiro contato com as forças do Lich Rei, ele teve que ultrapassar vários obstáculos para poder manipular com excelência os poderes dessa entidade. Desde a invasão a Quel’thalas, passando pelas inúmeras batalhas em Nortúndria, ao duelo com Illidan até à grande luta contra os heróis e Tirion no Trono de Gelo, Arthas sempre foi posto a prova. Por sua vez (e apesar de ter sido um exímio soldado), Bolvar não teve muitas aventuras como Lich Rei. Tendo isso em conta, podemos afirmar que os seus poderes de Lich Rei não foram postos à prova… até agora.

Com todos esses fatores, é compreensível a facilidade com que Sylvana derrotou Bolvar. Contudo, acredito que Bolvar, agora sem o Elmo da Dominação, ainda dará o que falar ao lado dos heróis nas Terras Sombrias. Já em relação a Sylvana, existem várias teorias que indicam que ela esteja forte demais, como se fosse um boss de Raide deambulando por aí. Mas vamos esperar mais informações canônicas para podermos debater sobre este assunto específico.

 

Trailer de Shadowlands

 

Outro

Site oficial World of Warcraft Shadowlands – clique aqui



Subscribe
Notify of
guest
8 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Maikon
Maikon
21 de maio de 2020 21:12

muito bom!!!

trackback
6 de julho de 2020 09:44

[…] MMORPG de todos os tempos. Todavia de acordo com a Blizzard, ela chega ainda em 2020 e conta a história pós-eventos de Battle for Azeroth. Com o propósito de acabar com o domínio sobre o Flagelo, […]

trackback
9 de julho de 2020 12:03

[…] De acordo com a Blizzard, ela chega ainda em 2020, no último trimestre. Shadowlands conta a história pós-eventos de Battle for Azeroth. Com o propósito de acabar com o domínio sobre o Flagelo, […]

trackback
9 de julho de 2020 12:39

[…] MMORPG de todos os tempos. Todavia, de acordo com a Blizzard, ela chega ainda em 2020 e conta a história pós-eventos de Battle for Azeroth. Com o propósito de acabar com o domínio sobre o Flagelo, […]

trackback
9 de julho de 2020 12:39

[…] De acordo com a Blizzard, ela chega ainda em 2020, no último trimestre. Shadowlands conta a história pós-eventos de Battle for Azeroth. Com o propósito de acabar com o domínio sobre o Flagelo, […]

Kayan
Kayan
17 de setembro de 2020 12:53

Do que vai ser a Horda e a Aliança no meio disso tudo em Shadowlands? o que vai acontecer na relação dos dois? vão se unir contra sylvanas ou algo assim?

Santhiago Santos Bueno
Santhiago Santos Bueno
25 de novembro de 2020 00:38

“Sylvana derrotou Bolvar muito facilmente.”
Concordo com a segunda teoria e adiciono que ele nunca se entregou a esse poder, portanto sequer sabe o seu real alcance. Ele ficou todos esses anos parado só mantendo o elmo seguro. Imagino que depois de tantos anos ele tenha perdido ate a noção de estratégia. E isso fica claro já que ele usa a neblina em uma luta solo quando poderia ter usando em conjunto com o seu exercito.

Santhiago Santos Bueno
Santhiago Santos Bueno
Reply to  Santhiago Santos Bueno
25 de novembro de 2020 00:40

Adoro o Lich Arthas e acredito que boa parte do sucesso do MMORPG foi graças a essa Lore maravilhosa aonde amamos ser o vilão.


0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x